Dores no joelho são comuns na vida do tenista
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Olá pessoal. Tudo bem com vocês?

Após 2 matérias falando sobre problemas nos membros superiores (Prevenção e tratamento da lesão “cotovelo de tenista” e 5 dicas para evitar dores no ombro jogando tênis), hoje falaremos sobre um outro problema que também incomoda e atrapalha a prática esportiva prejudicando muitos tenistas.

Estou falando das DORES NO JOELHO.

Dores no joelho são comuns na vida do tenista

O tênis é um esporte que exige muito dos joelhos. Requer boa mobilidade, agilidade, explosão, desaceleração, movimentação lateral, para frente e pra trás, rotação e estabilidade.

E se ele estiver livre de problemas é capaz de fazer isso tudo.

O tenista profissional que mais tem sofrido com dores no joelho nos últimos anos é Nadal, que teve complicações nesta região nas temporadas de 2008, 2012, 2017 e 2018. Gael Monfils também sofre com lesões no joelho há um bom tempo.

Recentemente, durante a semifinal do US Open, Nadal teve que desistir do torneio por conta de dores na região quando jogava contra Del Potro.

Se não é fácil para profissionais de alto nível e muito bem assessorados como Nadal e Monfils, imagina para nós mortais? 🙂

 

Um pouco mais sobre a estrutura do joelho

O joelho é composto pelos ossos do fêmur, da tíbia, da patela e possui uma estrutura chamada de menisco que é capaz de amortecer e distribuir as cargas.

É envolvido por uma cápsula que o protege e possui potentes ligamentos, dentre os mais conhecidos estão os cruzados anterior e posterior, ligamentos laterais internos e externos.

Além disso, existem vários músculos que o cruzam vindo de outras articulações como quadril, tornozelo/pé, que influenciam diretamente nos problemas desta articulação.

Estrutura do joelho

Seu principal movimento é a flexão/extensão, associado a um movimento da tíbia de rotação interna e externa. Para o movimento de rotação puro da tíbia é necessário que o joelho se encontre em flexão.

Tipos de lesões no joelho que podem acometer o tenista

Há diferentes tipos de lesões e dores que podem acometer o joelho, relacionadas a diferentes tipos de tecidos, traumas e forças que cruzam esta articulação. Alguns Exemplos:

Meniscos

Problemas meniscais normalmente estão associados a um movimento forçado combinado de flexão, rotação e desvio para dentro ou para fora com o pé fixo no chão. Pode gerar sensação de bloqueio e limitação nos movimentos de flexão e extensão.

Cruzados (LCP E LCA)

As lesões dos ligamentos cruzados podem ocorrer por traumas diretos sobre a articulação ou também por movimentos forçados de flexão com rotação.

Os sintomas frequentes são instabilidade articular e dor para flexionar ou estender o joelho.

Ligamentos laterais (interno e externo)

Sua lesão ocorre em movimentos forçados ou traumáticos que forçam o joelho para dentro ou para fora.

Os sintomas são dor na parte de dentro ou de fora do joelho, respectivamente.

Compressão patelar

Pode ocorrer por uma alteração de tônus ou encurtamento muscular do quadríceps causando crepitações e dores em sua volta, principalmente na sua contração estendendo a perna.

*Convêm ressaltar que em lesões traumáticas pode acontecer um combinado dessas lesões.

Como o tenista deve tratar uma lesão no joelho

A primeira coisa a se fazer é buscar uma avaliação de um profissional especializado e da sua confiança, seja ele médico ou fisioterapeuta.

Para se chegar a um diagnóstico preciso é necessário uma investigação criteriosa, avaliando-se muito mais do que só o joelho.

Obs: Você sabia que 80% das patologias dos joelhos provém de alterações dos quadris e pés?

Dicas ao tenista para prevenção de lesões no joelho

Bem, o melhor remédio ainda é prevenir.

Mantenha-se ágil!

É preciso flexibilidade e força. Faça alongamentos diários e se exercite para fortalecer seus músculos.

Exercícios de propriocepção ajudam a melhorar a estabilidade e o equilíbrio.

Abaixo um vídeo que preparei especialmente para o blog para ajudá-lo em sua performance. Alguns deles você pode fazer em casa, sem a necessidade de aparelhos como o agachamento e o agachamento unilateral.

https://www.youtube.com/watch?v=fCI06m9WWG0

Alguns exercícios do vídeo acima coincidem com aqueles que o professor Hudson Cardia mencionou em seu último post: 5 exercícios físicos que vão te ajudar nas partidas de tênis.

Ou seja, não deixe de executá-los para manter em forma e também para evitar lesões!

Então é isso pessoal. Espero que tenham gostado. E se gostou, já sabe: compartilhe o post com os amigos tenistas!

Um abraço e até a próxima!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert
Irineu Caixeta

Escrito por: Irineu Caixeta

Fisioterapeuta e Tenista



  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notificação de
guest
3 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Marcus Vinicius de Araujo
Marcus Vinicius de Araujo
2 anos atrás

Muito bom Irineu, mas faltaram os problemas ósseos, como , no meu caso, uma artrose lateral no joelho esquerdo…Abs

Adriano Salviano
Adriano Salviano
2 anos atrás

Resolvi este problema usando o tênis da Asics, o Resolution, tem o melhor amortecimento. Ainda no aguardo de avaliação do Asics speed Court FF que, teoricamente, é melhor no amortecimento. Não aconselho tênis boost da adidas, são sistemas de impulsionamento que aumentam a lesão. Vamos observar o Djoko que agora usa este REsolution e ver se ele vai reclamar de dores no calcanhar com antes. Por enquanto não vi ele reclamando de dores.

trackback

[…] Evite lesões no joelho jogando tênis com essas dicas! […]