Alergia e intolerancia alimentar influencia no rendimento fisico do tenista
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Aproveitando a ótima fase física e mental de Novak Djokovic, vamos falar um pouquinho sobre a importância de conhecer nosso corpo e detectar possíveis sensibilidades digestivas relacionadas a alergias ou intolerâncias alimentares.

Recém-lançado no Brasil, o livro Sirva para vencer: Que aborda a dieta sem glúten para a excelência física e mental de Novak Djokovic detalha como os novos hábitos do tenista melhoraram a saúde e performance do sérvio.

Livro- Sirva para Vencer

Antes de se tornar o número 1 do mundo do tênis, posto que ocupou por diversas temporadas, o sérvio era um celíaco que ainda não havia descoberto a doença. (Celíaco é uma pessoa intolerante á proteína do trigo chamada glúten).

Acredito que você deve lembrar de um episódio marcante nas quartas no final do Australian Open 2010 que mudou radicalmente a vida de Djoko. Ele dominava a partida contra Tsonga, mas teve que sair às pressas para os vestiários. Com uma crise de vômito e diarreia intensa, esgotado, retornou à quadra, mas foi derrotado.

Depois que Djoko foi diagnosticado com doença Celíaca e iniciou uma nova dieta, o rendimento do tenista passou por uma melhora incrível. As mudanças começaram pelo corpo: perdeu peso de maneira saudável pois melhorou a absorção de nutrientes, o esforço na quadra diminuiu; menos fadiga, maior velocidade, potência nos golpes passou a jogar grand slam com mais vitalidade.

Em 2012, levantou seis troféus. Nos anos seguintes, foram mais sete títulos por temporada, com direito há mais de 140 semanas no topo e neste ano derrotou rafael Nadal de maneira Brilhante superando um torneio de grand slam sem lesões musculares.

No tênis feminino também temos exemplos de tenistas que descobriram ter sensibilidade ou intolerância alimentar, Venus Williams em 2012 foi diagnosticada com Síndrome de Sjögren, doença autoimune que ataca as glândulas responsáveis pela produção de saliva e lágrimas  Uma das grandes mudanças foi cortar o glúten (proteína vegetal) da alimentação na mesma época ela também tornou-se vegana juntamente com a irmã Serena Williams, isto é, não consomem leite, ovos e outros alimentos de origem animal.

Celíaca – Entenda Como a Doença Age no Corpo

Cada vez mais pacientes têm chegado ao consultório com queixas como intestino preso, câimbras, distensão abdominal, dentre outras. Esses e outros sintomas podem ser um alerta de que algo não vai bem com a saúde e com a maneira como se está assimilando os nutrientes presentes nos alimentos.

A grande maioria das vezes, quando o termo alergia vem à tona, nos remete a sintomas como manchas avermelhadas na pele, falta de ar, sintomas fortes que podem ser características das alergias chamadas Imediatas.

Com o tempo, cada vez mais tem estado em evidência outro tipo de alergia alimentar, que se chama Alergia Tardia. Tende a ser mais difícil de ser detectada, pois muitas vezes os sintomas (labirintite, pressão baixa/astenia, azia, enjoos, sinusite, gases, dor de estômago, dentre outros) demoram horas ou dias para se manifestar após consumo repetitivo dos alimentos vilões.

Vários atletas de alto rendimento têm se beneficiado dos novos exames para detectar intolerâncias alimentares ou sensibilidades a algum alimento que poderiam atrapalhar seu rendimento físico e aumentar o índice de microlesões no tecido muscular e consequentemente aumento da quantidade de inflamação no corpo então a dieta sem glúten auxilia na melhora da absorção de proteínas, carboidratos, vitaminas e minerais, diminuindo o perfil inflamatório principalmente no processo de recuperação muscular.

Diferença entre alergia e intolerância Alimentar

Aprenda a distingui-los.

Os sintomas de intolerância alimentar não acontecem de forma imediata, podendo levar desde alguns minutos até dias para aparecerem, o que dificilmente leva a uma associação de causa-efeito.

A intolerância quer dizer que seu aparelho digestório não está conseguindo metabolizar determinada proteína (glúten) ou carboidrato (lactase). isso pode causar desconfortos gástricos, diarreia, vômito, falta de absorção de vitaminas e minerais e outros sintomas citados acima.

A Alergia alimentar geralmente envolve o nosso sistema imunológico causando manchas na pele, rinite, sinusite, garganta inflamada…geralmente se manifesta na infância desaparecendo com o passar do tempo mas em um percentual  menor da população pode se manifestar em adultos devido ao consumo em excesso de determinado alimento.

Como já mencionei em outros post tudo que consumimos em excesso não faz bem.

O segredo está em manter uma alimentação rica em frutas, verduras, cereais e água as proteínas e os carboidratos simples são apenas complementos para manter nossa energia.

Alimentos Proibidos para pessoas sensíveis ou Intolerantes ao glúten

  • Farinhas e amidos de: trigo e variantes (triticale, espelta, kamut, etc.), centeio, cevada, aveia;
  • Malte e extrato de malte;
  • Pão e produtos de pastelaria/confeitaria;
  • Bolachas e biscoitos;
  • Massas alimentícias;
  • Iogurtes com cereais;
  • Farinheira e alheira;
  • Sopas de pacote;
  • Panados e salgados (rissóis, croquetes, etc.);
  • Delícias do mar e variantes;
  • Pizza;
  • Lasanha, canelones e raviolis;
  • Cerveja;

Permitidos para Celíacos:

Alimentos sem Glúten
  • Farinhas, amidos e derivados de: alfarroba, araruta, arroz, batata e fécula de batata, mandioca (e polvilho), milho, milheto, quinoa, sorgo, tapioca, teff, trigo sarraceno, etc.;
  • Frutas e legumes;
  • Leguminosas;
  • Oleaginosas (frutos secos);
  • Leite de vaca e derivados (lacticínios);
  • Proteína de origem animal (carne, peixe, ovos, marisco);
  • Açúcar, mel e melaço;
  • Compota e marmelada caseiras;
  • Azeite e óleos vegetais;
  • Especiarias puras e ervas aromáticas;
  • Fermento biológico fresco e seco;
  • Água, chá, infusão, café/descafeinado puro ou expresso;
  • Néctar, sumos de fruta natural, gaseificados, vinho, vinho do Porto, champanhe, bebidas destiladas.
  • Ingredientes permitidos: Frutas e verduras, Glicose, xarope de glucose (mesmo que derivados de trigo), dextrina, dextrose, maltodextrina ou dextrina de malte, sorbitol, maltitol, lecitina de soja, goma xantana, goma de guar, inulina, levedura, todos os aditivos, à exceção do grupo dos E-14XX.

Permitidos a pessoas com Intolerância ou alergia a lactose

Produtos Sem Lactose
  • Pães e biscoitos à base de água ou soja;
  • Chocolate à base de soja;
  • Todas as frutas, verduras e legumes;
  • Carnes de boi, aves, porco, peixe e frutos do mar;
  • Gelatinas ou doces à base de soja;
  • Queijo de soja (tofu) e leite de soja;
  • Carne de soja (proteína texturizada de soja);
  • Sucos industrializados à base de soja.

 

Alimentos proibidos

  • Leite de vaca, leite condensado, creme de leite, chantilly;
  • Pães, bolos e biscoitos recheados à base de leite;
  • Chocolates comuns, sorvete, pudins;
  • Purês, tortas, preparações com creme branco, sopas cremosas;
  • Margarina, manteiga, iogurtes e todos os tipos de queijo que contenham leite.

Espero que tenham gostado do post, tentamos trazer sempre notícias, informações e todo tipo de ajuda para que você consiga cada vez mais ser um atleta e melhorar sua performance no Tênis. Muito obrigada pela leitura, se acharam interessantes, compartilhem com amigos ou nas suas redes sociais. Até a Próxima.

Lidiane Reggiori

Escrito por: Lidiane Reggiori

Nutricionista e Tenista



  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notificação de
guest
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Adriano Salviano
Adriano Salviano
1 ano atrás

Sei bem o quê é isso, tenho alergia a proteína do leite. só descobri aos 45 anos e ainda, sem saber, acabo consumindo algum produto a base de leite. as reações são estas descritas: inflamação generalizada , cansaço e tonturas. vão aumentando a medida que o corpo aquece durante o jogo de tênis. Sofro menos no jogo de dupla pois o esforço é menor.