regras-do-tenis
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A escolha de praticar uma atividade física, para um mundo de hoje que cada vez mais o sedentarismo ganha espaço, é um ato de revolução para sua saúde. Porém, quando a escolha é feita muitas variáveis precisam ser levadas em consideração para o esporte entrar em sua vida, assim, dentre essas variáveis está o fato de escolher uma atividade que você goste, pois assim além da atividade física, a diversão é garantida e o hábito esportivo é enraizado de uma forma fácil.

Nessa linha, um dos esportes mais fáceis de agradar é a prática do tênis, o esporte das bolinhas e das raquetes, famoso por todo o mundo e que move multidões nos torneios da ATP e WTA e nos Grand Slam. Por isso, aqui vamos elencar as regras do tênis, para que você já comece sua prática esportiva por dentro das regras do jogo, sabendo o que pode ou não pode fazer dentro das linhas de uma quadra, seja ela de saibro ou de grama.

regras-do-tenis

Regras do Tênis – Entenda as Regras e Comece a Partida

Duração e Início de uma partida 

Para começar, a partida não tem um tempo definido, pois o que conta são os pontos em cada set. Assim, o vencedor da partida é definido em 3 sets, porém, existem exceções como os Grand Slams que ao invés de 3, são 5 sets.

Nessa linha, o início da partida começa só após o árbitro principal em quadra reunir-se com os jogadores e fazer um sorteio, nele o ganhador decide se começa a partida sacando primeiro ou se será o primeiro a receber a bola, ademais, ele escolhe o lado da quadra que começa jogando.

Pontos

Na regra do tênis são duas as formas de pontuar, a primeira delas é denominada de Winner, assim, acontece quando depois do jogador bater na bola, ela bate nos limites da parte válida da quadra do oponente e, logo após, ela dá um bate em qualquer lugar da quadra sem que o adversário consiga rebater a bola.

A segunda forma de pontuar no jogo de tênis é o chamado erro, ou seja, é quando o adversário dá uma raquetada na bola e erra, assim, existem três possibilidades: a bola não passa da rede, a bola cai na parte inválida da quadra ou o jogador adversário realiza uma dupla falta. 

Contagem 

A contagem e o placar do tênis podem parecer confusos para quem está iniciando nesse esporte, porém, não é de uma compreensão difícil quando analisado de perto. Com isso, existem três formas que serão explicadas, sendo os Games, os Sets e o Tie break.

Começando, os games são as contagens do jogo, sendo que no tênis é uma simulação das posições do relógio, sendo 15,30,40 (que simplifica o 45) e 60.

Assim, a primeira pontuação no placar sempre equivale ao jogador que está sacando a bola e a segunda é o que vai receber a bola. Exemplificando, se o placar estiver 30 – 15 é o mesmo que dizer que o tenista que está no saque tem dois pontos feitos correspondendo a 30 e o tenista adversário que vai receber a bola fez apenas um ponto que corresponde a 15.

Seguindo, quando um jogador consegue realizar quatro pontos é ganho o game. Em uma situação de empate como 40 a 40, para que o game seja ganho, é preciso que um dos jogadores faça dois pontos de diferença. Nesse sentido, o atleta que está ganhando por um ponto é dito que ele está em vantagem, porém, se o adversário ganha o ponto seguinte eles continuam empatados em 40 a 40 e o jogo continua até fazer a diferença necessária.

Os Sets funcionam em cima da lógica dos games, assim, o jogador que vencer primeiro seis games dentro de um set, ganha o set em disputa. Caso tenha empate de 5 games, é necessário que algum dos atletas ganhe dois games seguidos para o set terminar. Porém, se o empate for de 6 games a 6, é disputado um tie break para saber quem venceu o set.

Por fim, o tie break é o último momento em que é decidido quem ganha o set caso o empate seja persistente, assim, quem recebeu o último game saca primeiro o tie break. Com isso, o tié break tem uma contagem normal, diferente do restante do jogo, sendo de 0 até 7 pontos e quem fizer 7 pontos primeiro leva a melhor.

Saque

 Para realizar o saque pode ser feita duas tentativas para cada serviço. Assim, se a bola rebatida cair em uma parte fora dos limites da quadra comete-se uma falta. Ademais, pode ser entendido como falta se a bola bater na rede e cair no momento do saque ou se no instante após o saque ela triscar na rede e cair no lado adversário.

Seguindo, se quem estiver sacando colocar o pé dentro dos limites da quadra também é uma falta, conhecida como foot fault. Nessa linha, caso o atleta invalidar duas tentativas de saque seguidas é caracterizada uma dupla falta e o adversário ganha o ponto.

Outras características relevantes sobre o saque é o caso de let, ou seja, se a bola tocar na rede e cair do lado adversário, só que diagonalmente, não é configurada falta e o atleta pode repetir o saque. Por fim, todo ponto passado deve ser alternado o lado de saque entre os jogadores.

Faltas e Advertências 

Quando acontece falta, o atleta que cometer uma pode deixar de ganhar o ponto que está sendo disputado ou pode ser penalizado, exemplos de faltas são como: não respeitar a área de saque e gerar um foot fault, tocar na rede com o corpo ou com a raquete enquanto o jogo acontece, caso a bola toque o corpo do jogador mesmo que de forma não intencional e, por fim, tocar a bola enquanto ela ainda está no lado do adversário.

Por fim, as advertências são, em sua maioria, por práticas anti desportivas, assim, se o jogador quebrar sua raquete, se demorar mais de 25 segundos para realizar o saque, discutir com os árbitros e fazer barulhos intencionais para tirar a atenção do outro jogador são exemplos que podem causar uma advertência.

Gostou do conteúdo? Confira mais posts relacionados ao tênis no blog da Bola de Tênis Delivery, site especializado para jogadores iniciantes e avançados no tênis.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments