fita-protetora
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na prática do tênis, é notável o quão comum é a utilização de fita protetora na parte de cima das raquetes (cabeça) para protegê-las e garantir maior durabilidade. Estas fitas são, especificamente, desenvolvidas a partir de materiais duráveis, finos, resistentes, elásticos e que se adaptam a qualquer tipo de raquete. 

O objetivo principal das fitas protetoras é garantir que a cabeça das raquetes estejam seguras em eventuais quedas, impactos e arranhões, principalmente, ao se tratar de crianças praticantes do esporte. 

Neste artigo da Bola de Tênis Delivery vamos falar sobre as fitas protetoras, seus diferentes tipos, modelos, características específicas, além da utilidade e importância de utilizá-las, além de preparar um pequeno e didático passo a passo para a aplicação de sua fita protetora. Acompanhe abaixo! 

 

fita-protetora

Os diferentes tipos de fitas protetoras

As fitas protetoras podem ser encontradas em diferentes marcas e, em decorrência da alternância de marcas, podem haver algumas variações de preços e qualidade do produto bem como algumas características específicas. 

De maneira ampla, há muitas fitas protetoras no mercado, porém, o tenista terá que ponderar qual atenderá melhor suas necessidades e qual caberá melhor no seu bolso de acordo com todas as especificações que ele pretende. 

No caso de jogadores que possuem muitas raquetes e queira colocar fitas protetoras em todas, o recomendado é optar pelos tipos de fitas com maiores metragens que sairá com um preço mais em conta como um todo e dará melhores condições de proteção para o material de esporte do tenista. 

Em sua maioria, os modelos são auto adesivos, elásticos, resistentes e bastante finos, produzidas com o intuito de atender a demanda do tenista que quer proteger sua raquete contra avarias.   

Como efetuar a troca das fitas protetoras 

As fitas protetoras são colocadas na parte de cima da raquete (cabeça), principalmente, nos equipamentos de crianças, para proteger de eventuais impactos e quedas no chão, tornando-se de extrema importância para a durabilidade e resistência das raquetes. 

Para efetuar a troca da fita protetora, o tenista precisará de somente uma tesoura e fitas novas. Abaixo iremos expor um passo a passo para que a troca desse produto seja feita da melhor maneira possível. Confira!

  1. Primeiramente, é importante que o esportista realize a remoção completa de toda a fita protetora anterior, afinal, o ideal é que ela não seja aplicada, em hipótese alguma, por cima de outras fitas já colocadas. O recomendado é que a parte onde se encontravam as fitas fique com o mínimo de cola depois da remoção para que a próxima fita seja colada sem camadas de colas velhas anteriores; 
  2. Se o produto em que se pretende fazer a aplicação da fita faz o uso de uma gola, é fundamental que a gola passe ao fundo e se fique anteriormente ao coração da raquete
  3. Posicione sua raquete de cabeça para baixo e, desta forma, faça a fixação da fita na raquete, no fundo. Os canhotos irão fixá-lo de forma que a fita protetora fique à esquerda do ponto de fixação; os destros, o farão de maneira que a mesma fique à direita do ponto. Pode-se utilizar para a fixação um grampo na base da raquete. Em alternativa à utilização de grampos, pode-se também realizar a sobreposição; basta segurar uma das pontas com uma mão e enrolar a fita protetora com a outra, de forma que ela passe por cima de sua própria ponta, fixando-a. Há ainda alguns modelos de fitas protetoras que são adesivas, facilitando ainda mais o processo de aplicação;
  4. Agora, segurando a fita protetora com uma mão, é necessário que gire a raquete com a outra mão de maneira cuidadosa e devagar. É importante manter a atenção, colocando a fita em uma sobreposição de 2mm mais ou menos. Neste momento, os destros precisarão fazer tal movimento de giro em sentido horário, enquanto que canhotos no sentido anti-horário;
  5. Chegando no topo do cabo, é importante traçar uma linha que fique rente à borda de cima. Após isso, basta desenrolar a borda superior de sua fita protetora, de forma que a linha toda fique visível. Feito isso, basta remover o excesso com uma tesoura;
  6. Por fim, basta fazer a fixação da fita na cabeça da raquete e, se houver gola, deslize-a por cima da fita.

Modelo de fita protetora

Como mencionado, os modelos e marcas de fitas protetoras são muitos no mercado atual e isso pode influenciar de forma direta em sua qualidade e durabilidade. No entanto, na Bola de Tênis Delivery, o modelo disponível pensando especialmente nos amantes e praticantes do esporte é o seguinte:

– Fita Protetora para Cabeça de Raquete Prokennex 32mm – 5 metros

Como dito ao longo de todo o artigo, a fita protetora é fundamental para a segurança e durabilidade da cabeça da raquete já que, por meio dela, é possível ter mais resistência e proteção contra impactos e arranhões na cabeça da raquete. Assim, o tenista consegue mantê-la em um bom estado por mais tempo. 

E, a fita protetora da marca Prokennex é muito procurada e famosa no mercado, já que oferece uma excelente elasticidade e se adapta a diferentes tipos de raquetes. O material é confeccionado em 100% poliuretano com comprimento de 5m e largura de 32mm na cor preta. 

Por isso, esse modelo encontrado na Bola de Tênis Delivery é uma boa opção para você que deseja proteger a cabeça de sua raquete e ter bons resultados no que tange a longa durabilidade de sua raquete já que esse cuidado faz com que ela dure mais e se mantenha em melhor estado. 

Se o conteúdo abordado acima foi útil para você, não deixe de conferir todo o repertório do site Bola de Tênis Delivery e toda a nossa ampla gama em produtos, especialmente, aos apaixonados e praticantes do tênis. Navegue em nosso site e não deixe de conferir!


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments